Em uma parceria SENAC e Assistência Social, curso de Doceiro tem início

Na tarde de terça-feira, 11 de fevereiro, a Secretaria Municipal de Assistência Social recebeu, na sede da APRODEMA, Conjunto Habitacional Bandeirantes, os vinte e três participantes do curso de Doceiro, oferecido pelo SENAC.

A diretora de Administração e Expediente Assistencial, Silvania Meira Geradi, ao lado da diretora de Proteção Social Básica, Leila Severino de Freitas, deu boas-vindas aos matriculados e falou sobre a importância desta parceria com a instituição, que presenteou o município com o curso, que individualmente teria o custo por aluno de R$ 3 mil, caso fossem fazer na escola. “O SENAC não nos proporcionou apenas o aprendizado, mas garantiu todos os recursos necessários para a realização deste curso, incluindo os ingredientes”, enfatizou Silvania.

A coordenadora de cursos do SENAC de Jaboticabal, Elaine Soldi, explicou que esta oferta aos montealtenses vai de encontro com a missão da instituição, de desenvolver a comunidade.

O prefeito João Paulo Rodrigues fez questão de parabenizar os vinte e três inscritos pela vontade de capacitarem-se e conquistarem, em muitos casos, a sonhada liberdade financeira. Por fim, contou um relato familiar envolvendo a confeitaria e como isso transformou a vida de sua irmã, a chef Cecília Victório, hoje grande empreendedora do ramo e que por diversas vezes apresentou sua história em programas culinários da televisão brasileira.

O curso de Doceiro tem duração de 160 horas, acontecerá às terças, quartas e quintas-feiras, e tem como professora Neusa Fieno. Em sua grade curricular, aborda não apenas a produção de doces, como também a organização do ambiente de trabalho e a confecção de embalagens para confeitaria.