Estudo epidemiológico avaliará circulação do coronavírus em Monte Alto

A Secretaria Municipal de Saúde realiza, em uma parceria com as instituições Santa Casa de Misericórdia e Unimed Monte Alto, estudo epidemiológico que busca estimar o alcance do vírus SARS-CoV-2, agente etiológico da Covid-19, no município.

Através de um comitê técnico formado por gestores, médicos e enfermeiros, levantamento trabalhará com grupos e teve como referência um similar trabalho realizado em Ribeirão Preto (SP).

Os profissionais da saúde foram separados em três áreas: crítica, como Pronto Socorro Municipal e UTI, mais próximos de pacientes com a Covid-19; semicrítica, como profissionais da assistência; e não crítica, profissionais da área administrativa. Segundo o levantamento feito pela secretaria, a amostra será de 256 profissionais da saúde.

Além dos profissionais, outro grupo abordado é o da população atendida no Ambulatório Municipal de Queixas Respiratórias (que inicialmente funcionou na UBS Dr. Roberto da Rocha Leão e hoje tem como local o Pronto Socorro) e dos Ambulatórios de Queixas Respiratórias dos hospitais Santa Casa e Unimed. Deste grupo, 133 munícipes participarão do estudo.

As pessoas destes dois públicos são sorteadas e têm amostras de sangue retiradas para análise, mediante concordância com o estudo. Com uma gota de sangue retirada do dedo indicador, um teste rápido permite conferir se o paciente é IgG positivo para Covid-19, ou seja, já teve ou não contato com o vírus mesmo sem apresentar sintomas da doença.

Participantes do comitê em reunião