Pronto-Socorro recebe dois novos ventiladores pulmonares

Equipamentos estão à disposição da população; de 4, agora são 9 leitos de urgência no PS

Em meio à pior semana para a saúde regional nessa pandemia, uma boa notícia para a área. Dois novos ventiladores pulmonares mecânicos, da marcada INSPIRE, chegaram ao município, vindo do Governo de SP.

O INSPIRE é um equipamento de suporte respiratório emergencial que atende os requisitos da ANVISA para oferecer uma alternativa e suprir uma possível demanda hospitalar causada pela pandemia da covid-19. O equipamento foi projetado e desenvolvido por pesquisadores da Escola Politécnica da USP e possui autonomia de até 2 horas em caso de falta de energia elétrica.

A conquista dos ventiladores contou com a participação do vice-governador, Rodrigo Garcia, que atendeu um pedido feito pelos vereadores Paulo Carello e Thiago Cetroni.

“Com esses novos ventiladores, e dois novos monitores adquiridos pela Administração, vamos poder oferecer mais dois leitos de urgência com suporte ventilatório e monitorização de sinais vitais, passando, assim a contar com 9 leitos de urgência aqui no PS”, explica o enfermeiro, Wagner de Grandi.

O leito de urgência possui equipamentos similares a um leito de UTI.

HISTÓRICO

No início de 2020, quando Wagner foi coordenador do Pronto-Socorro, o PS tinha dois leitos de urgência e “a pandemia ainda era só uma matéria das aulas de urgência” como ele comenta.

Com a mudança de cenário foi necessário encarar a situação como uma ‘guerra’; ainda em 2020 começaram adequações no PS. Os dois leitos de urgência se tornaram quatro no final de 2020, com aquisição de equipamentos de suporte ventilatório e monitorização de sinais vitais.

“Em 2021 continuamos com as adequações para enfrentar um agravamento da Pandemia, e em março ampliamos para 5 leitos de urgência. Com rapidez, os gestores nos ouviram e adquirimos novos e modernos equipamentos de suporte ventilatório e monitorização, leitos, suporte medicamentoso entre outras ações que somadas nos possibilitaram aumentar a nossa capacidade de leitos de urgência para 7”, comenta Wagner.

Os dois novos ventiladores são uma opção de suporte a outros dois leitos de urgência, como passagem para a UTI.